Desde a sua fundação em San Diego, em 2015, pelo casal queer Vicky e Charisse Pasche, a Dapper Boi chamou a atenção nos Estados Unidos por suas roupas revolucionárias que questionam as imposições binárias de gênero.

A marca está trazendo de volta seu concurso “Next Top Model” (Próximo top modelo, em tradução livre), inspirado no reality “America’s Next Top Model”(Próxima top modelo da América, em tradução livre), para escolher o próximo rosto que irá estampar as campanhas da empresa. O concurso mira em pessoas que performam a não conformidade de gênero, ou seja, que se identicam como pessoas não binárias ou de  gênero fluído.

O primeiro concurso ocorreu em 2021 e teve quase 1 mil inscrições. O casal parceiro no negócio afirmou ao Advocate que estava ansioso para uma nova edição: “Não estamos apenas tentando mudar a forma como vemos a moda, estamos tentando mudar a forma como vemos uns aos outros. Somos todos pessoas, além de rótulos e categorias.”

“O que mais importa é se sentir em casa na própria pele, sentir que está sendo visto e aceito não pelo que você é, mas por quem você é. E embora as roupas possam não ser a resposta, são certamente um catalisador. Roupas que se ajustam ao nosso eu autêntico podem inspirar confiança, inspirar mudanças e nos ajudar a aparecer no mundo da melhor forma.”

A pessoa vencedora irá até San Diego (EUA), para uma estadia de duas noites, ganhará uma mudança no visual e uma sessão de fotos profissional. As inscrições e a votação terminam em 17 de setembro. A inscrição pode ser feita  neste link.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Voltar ao topo